| 
  • If you are citizen of an European Union member nation, you may not use this service unless you are at least 16 years old.

  • You already know Dokkio is an AI-powered assistant to organize & manage your digital files & messages. Very soon, Dokkio will support Outlook as well as One Drive. Check it out today!

View
 

Cátia O 5B

Page history last edited by Inpi 10 years, 6 months ago

Um Olhar Distante

 


Imagem: Vanguartour

    Estava eu sentada nas escadas de pedra, no quintal, e olhei: nunca tinha reparado que as ervas pareciam um escorrega - estava num plano inclinado - as árvores dançavam com as fadas do vento.

    Avistei a praça, as casas abaixo da minha rua, pois vivíamos numa rua estreita onde só cabiam duas casas: a minha, que é cinzenta e branca e a da minha vizinha Alda, que é rosa e amarela. 

    Depois, reparei no cais, de onde todos os barcos saem, entram ou vão para a oficina; também as pessoas se atiravam para a água ou então caminhavam lentamente para o mar.

     O céu estava muito azul, mas com algumas nuvens, se não estivesse vento, o céu estaria sem nuvens. 

    E no meio do que observava, lá estava a linda ilha do Pico, com a sua montanha rodeada de nuvens que pareciam flutuar no azul do céu.

Cátia O 5B

 

O Meu Pai

 

Imagem: Hellasmultimedia

     O meu Pai é magnífico: ele é alto, utiliza calças ou calções, depende da estação do ano, utiliza uma camisola e é magro.

    Ele tem o cabelo escuro, mas encaracolado, tem um rosto redondo e grande, olhos grandes e esverdeados, uma boca pequena, nariz grande.

     No inverno, ele gosta de vestir uma camisa e casao, umas calças e gosta de calçar uns sapatos de cabedal; no verão, gosta de vestir uma t-shirt, uns calções e uns chinelos. 

     O meu Pai é muito forte, é rápido, tem energia e é simpático para mim e para todos.

      Eu aprecio as brincadeiras que ele inventa e joga. O Talento especial dele é ser ótimo a fazer partidas debaixo de água.

     Ele gosta de natação, futebol, equitação e mais uma data de coisas.

     Arranjar uma casa para eu, ele e as minhas irmãs morarmos é o seu projeto.

Cátia O 5B 

      

O Mundo Baralhou-se!

 

Imagem: WP Clip Art

        Um dia de manhã, estava em casa a acabar de tomar o meu leite  e a comer as minhas torradas para ir para o Colégio.

        Mas quando abri a porta, os carros tinham asas, as aves tinham rodas, os prédios tinham pernas e falavam, as pessoas tinham janelas, as árvores deitavam fumo, havia muitas grutas cheias de diamantes e rubis e macieiras com maçãs de ouro!

        Perguntei a uma pessoa ao pé de minha casa se me podia explicar o que se passava; ela disse-me:

       - Bem-vinda à cidade Baralhada!

       Ela também me disse para ir explorar a cidade.

       Depois de andar horas e horas de um lado para o outro, deitei-me debaixo de uma árvore e adormeci, mas ninguém me avisou que quando as pessoas adormeciam, iam parar à gruta cheia de diamantes e rubis onde estava o Dragão das Sete Montanhas. Eu fui parar a uma das sete grutas e o dragão atacou-me, mas eu estava desarmada, por isso peguei num rubi e atirei-o para a cabeça e ele transformou-se num Príncipe!

     Mas depois ouvi  chamarem-me e afinal era tudo um sonho...

Cátia O 5B

 

O Meu Natal

 

Imagem: Wikipedia Creative Commons

     O meu Natal é sempre igual, mas não me canso, desde que esteja com a minha Família, por mim, tudo bem.

     Para mim, o Natal é o Nascimento de Cristo e, quando alguém nasce, está lá a Família. Então, chego à ocnclusão que o Natal é uma Festa para nós e a nossa Família.

     O Natal é uma Festa para partilhar, dar e receber; as ações de solidariedade são para as pessoas que não têm dinheiro sentirem a emoção do Natal.

     Se me aparacesse um Plutoniano (habitante de Plutão) à minha frente e me perguntasse o que é o Natal, eu explicaria assim:

     - Plutoniano, o Natal é uma época de alegrias, em que estamos com as nossas Famílias, recebemos presentes, escrevemos cartas ao Pai Natal e foi no dia de Natal que nasceu o nosso Salvador.

      Este nao queria passar as minhas férias na Serra da Estrela a ver a neve a cair, a fazer bonecos de neve e anjinhos.

Cátia  O 5B

 

Defesa do Natal

   Imagem: Clip Art The Peace of Christmas

    Todos os anos, eu e minha Família damos comida para o Banco Alimentar; este ano e o ano passado, demos muita coisa: brinquedos, comida do Continente e, na escola, há sempre uma Campanha de Solidariedade que nós, o Cad, fazemos para ajudar as Famílias.

     Eu não quero nem vou querer defender alguma causa, e, se, no futuro, houver uma causa muito boa e que eu goste e os outros contrariem, aí defendo. De certeza que com mais pessoas é mais fácil, porque assim são mais pessoas, é mais ajuda.

     Algumas coisas impedem-me de lutar, como a crise, o governo, os políticos, e a s pessoas que me contrariam e que me impedem.

     Para convencer os outros, seria justa, verdadeira, simpática e só dizia as coisas que eu penso que são melhores para todos. Eu posso lutar, mas ser for para arriscar a minha vida, eu digo logo que não, eu não quero arriscar, porque ainda sou jovem.

Cátia O 5B

 

 

O Meu Natal

 

Imagem : WP Clip Art

    Na minha casa, decoramos com muitas coisas:  por fora decoramos com muitas luzes amarelas que simbolizam a grande Estrela que levou os três reis magos até ao Menino Jesus; por dentro, decoramos com os enfeites que eu, a Sara e a Carolina fazemos na Escola, mais a árvore de Natal e o presépio.

     Na escola, no primeiro ciclo, havia uma caixa ao pé da estante onde estavam os manuais para dar coisas para  o cabaz. O Natal está sempre no meu coração, porque no dia 25 de Dezembro, a minha avó faz anos.

    Quero ter todos os presentes que pus na minha lista, quero passar o Natal com a minha família e diria ao Mundo todo: Feliz Natal!

Cátia O 5B 

 

As Férias de Natal mais inesquecíveis do Mundo

 

 

Imagem: WP Clip Art

     A minha família e eu reunimo-nos em casa dos meus avós paternos ou na casa da minha tia Carmelita. A minha tia Micá, eu, as minhas manas e o meu Pai fazemos a árvore de Natal e enfeitamos a sala.

     Na ceia, quando a família toda chega, abaixamos todos a cabeça e pessoa mais velha da família começa a oração. A minha família e eu acreditamos muito em Deus, depois é que vamos comer a ceia e espalhamo-nos pela sala inteira.

     Depois da Ceia, ficamos todos a conversar por um bocadinho; passado algum tempo, eu, os meus primos mais novos e as minhas irmãs vamos para o andar de cima; passado mais algum tempo, ouvimos um sininho tocar: é o sinal que as prendas chegaram.

     Feliz Natal!

Cátia O 5B

 

Uma Aventura Inesquecível na Serra da Estrela

 

Imagem: WP Clip Art

     Numa tarde de verão, já tínhamos tudo pronto para irmos de viagem. O meu pai conduzia, a minha mãe apreciava as paisagens, eu e a minha mana Sara dormíamos no carro, naquela altura ainda éramos muito pequeninas.

     Até que chegámos: era uma casa de madeira de um vermelho acstanhado e ficámos lá; havia um buraco no chão para nós pescarmos o jantar e a minha mãe fazia uns cozinhados maravilhosos; como já era muito tarde, fomos todos para a cama.

     Na manhã seguinte, acordámos todos, vestimos muita roupa para ficarmos bem quentinhos por causa do frio e lá fomos nós. Havia lá um lago que estava congelado, fomos patinar nela, havia também muitas otras pessoas que patinavam lindamente; eu  e a minha irmã Sara, como não sabíamos patinar, fazíamos bonecos de neve, igloos, atirávamos bolas de neve uma à outra, púnhamos as cabeças dos bonecos de neve nas nossas cabeças e apanhávamos flocos de neve com a língua, mas uma vez eu atirei uma bola de neve,  o meu pé escorregou e eu escorreguei até ao lago congelado e dei uma grande queda no gelo. Fiquei congelada porque caí num buraco e a água estava gelada!

     Passado algum tempo, já não estava congelada e começámos a cantar, nós os quatro junto à lareira; olhámos para o lado: caía a humidade mas o por do sol era lindo.

     Quando penso neste momento, penso que estou com a minha mãe; este momento significa para mim muita coisa, por exemplo, significa a minha primeira aventura.

Cátia O 5B

O Mundo da Leitura e Eu

 

Imagem: WP Cllip Art

     A minha família e eu estávamos em casa, mas naquela altura, eu não gostava de ler. A minha tia deu-me um livro e eu comecei a ler com aquela cara de quem não gosta de ler, mas fui continuando a ler, a ler e comecei cada vez a ficar com melhor cara e comecei a gostar de livros de aventuras : criavam-me emoção e entusiasmo  cada vez mais  belos.    

       No meu primeiro dia de aulas levei-o para a escola e apresenteio-o à turma toda e aconselhei a ler para entrarem na emoção da aventura.

      Para mim, a leitura é como uma professora, porque ajuda-me em várias coisas e também deve ajudar os outros, mas de outras formas; por exemplo, os médicos principiantes têm de ler as instruções para saberem como se utilizam os remédios.

Cátia O 5B

    Mundo Novo

 

Imagem:  Clip Art Cartoon Kids

    Era véspera de aulas, já tínhamos tudo pronto para o primeiro dia de aulas, eu estava nervosa.

    Na manhã seguinte, às 7h acordamos, tomámos banho e vestimo-nos, tomámos o pequeno-almoço e fomos, pois entramos às 8h30min; nós começamos com as apresentações.

    Agora tenho muito mais liberdade para andar onde quiser, o facto de não ser obrigado a comer a sopa, poder  jogar matrecos, ouvir música….

Nas apresentações conheci 4 professores, tivemos o intervalo e depois voltamos para a aula e conhecemo-nos melhor e aos colegas novos: a Filipa, a Inês, a Maria, a Carolina, o Eduardo, o Vasco, o Nuno e a Marizia.

    Depois saímos para o almoço e fomos para casa.

    Quando cheguei à escola, começamos com educação física: quando dei por mim tinha 11 disciplinas diferentes.

    Mas também tenho muitas saudades da minha antiga professora; se não fosse ela, eu não estaria aqui; ainda me lembro das festas que fazíamos todos junto e os jogos que fazíamos quando saíamos mais cedo.

   Quero ser boa aluna e entrar para o quadro de mérito, estudar muito, porque cada ano que passa há mais coisas para aprender e tenho de estudar muito, pois quero fazer tudo.

    Na união da turma quero que todos nos sejamos  muitos amigos uns dos outros e que superemos tudo como uma equipa e que passemos todos para o 6º ano como toda gente na escola que vai passar de ano.

 

Catia O 5B

 

 

 

Comments (2)

5B Madalena G said

at 3:37 pm on Oct 5, 2012

parabes catia muito bom

5B Madalena G said

at 10:51 pm on Jan 15, 2013

parabens catia sempre sobe que tinhas jeito para a escrita

You don't have permission to comment on this page.